quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Problemas de implantação do BRS no Eixo T-9

13/09/2012 - O Popular

O Eixo T-9 enfrenta a mesma dificuldade para implantação do corredor de transporte. Com caixa de circulação variando entre 24 e 33 metros de largura, necessita de 36 metros para que o corredor seja implantado sem prejuízo para o fluxo de veículos. Os trechos do Jardim Planalto são os mais estreitos. “Para reduzir o recuo das calçadas, por exemplo, seria necessário recuar também postes de energia elétrica, o que não é barato”, frisa o engenheiro Alexandre Moura.

Na Avenida 24 de outubro, o corredor de transporte a ser instalado, segundo o Plano Diretor, é pequeno em extensão, mas gigantesco considerando as barreiras a serem enfrentadas ali. Estacionamento permitido dos dois lados da via e calçadas com recuos mínimos dificultam a execução de um projeto dessa natureza. Para lá está previsto um corredor preferencial, com duas faixas de ônibus de 3,5 metros cada e caixa de 30 metros, no total.

Fonte: O Popular

Nenhum comentário:

Postar um comentário